Internacional

Ucrânia: Sites do governo sofrem ataque cibernético, diz Interfax

Páginas na internet do Ministério de Relações Exteriores e do Ministério da Defesa estão temporariamente fora de serviço

Sites do governo ficam fora do ar após ataque cibernético
Por Bloomberg News
23 de Fevereiro, 2022 | 02:27 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

Bloomberg — Vários sites do governo ucraniano, incluindo os de gabinetes de ministros e do Parlamento, sofreram ataques cibernéticos nesta quarta-feira, segundo a agência de notícias Interfax. A agência não citou a fonte dessa informação, mas o governo ucraniano confirmou que seus sites foram atacados.

Vários sites governamentais e de alguns bancos enfrentaram um ataque DDOS no final da tarde desta quarta, disse o ministro da Transformação Digital Mykhailo Fedorov na rede social Telegram.

A Ucrânia enfrentou duas ondas de ataques cibernéticos desde o final de janeiro. O mais recente, na semana passada, atingiu os maiores bancos do país, que restabeleceram totalmente as operações em poucas horas. O ataque DDOS de 15 de fevereiro foi o maior da história da Ucrânia e os EUA e o Reino Unido disseram que a Rússia estava por trás disso.

As páginas na internet de ministérios do governo local, incluindo o Ministério de Relações Exteriores e o Ministério da Defesa, estão temporariamente fora de serviço ou não estão funcionando normalmente.

PUBLICIDADE

As respectivas assessorias de imprensa reconheceram problemas os com os sites, mas não detalharam o motivo.

Veja mais em bloomberg.com

Leia também

Fundos dos EUA cortam ações tech e Goldman vê ‘mudança de regime’

PUBLICIDADE

Marfrig tem crédito de US$ 200 mi engavetado em meio a dúvidas sobre desmatamento

Dólar bate em R$ 4,99 com fluxo externo e inflação acima do esperado