PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cripto

Cripto atrai mais dinheiro em 2021 do que todos os anos anteriores

Segmento despertou interesse de venture capital, investidores institucionais e do varejo, e empresas de tecnologia

bitcoin
Tempo de leitura: 3 minutos

Bloomberg — Precisa de mais provas de que 2021 foi o ano em que os ativos digitais se tornaram populares? Que tal o fato de os fundos de capital de risco terem investido cerca de US$ 30 bilhões em criptomoedas, ou mais do que em todos os anos anteriores combinados para uma tecnologia de pouco mais de uma década.

Isso é quase quadruplicar a máxima anterior de cerca de US$ 8 bilhões em 2018, ou o ano seguinte ao ganho de mais de 1.300% do Bitcoin, de acordo com dados de transações compilados pela PitchBook Data Inc.

PUBLICIDADE

“Nós fomos além do ouro digital. Temos serviços financeiros, arte, jogos como uma subcategoria de NFTs, Web 3.0, mídia social descentralizada, jogos para ganhar – tudo isso fez os investidores pensarem: ‘Não temos exposição suficiente’”, disse Spencer Bogart, sócio geral da Blockchain Capital LLC, com sede em São Francisco, um dos maiores investidores do setor depois de financiar mais de 120 empresas desde sua criação em 2013.

Enquanto outras empresas estabelecidas, como Coinbase Ventures, Digital Currency Group e Polychain Capital, apostam na próxima grande criptomoeda, todos os tipos de projetos experimentais – um aplicativo de mídia social que transforma celebridades em tokens, um jogo de token não fungível inspirado em Elon Musk ou algo colecionável que consiste em uma lista de palavras – têm financiamento garantido.

“Os investidores estão financiando tudo e qualquer coisa”, disse Rob Le, analista do PitchBook.

PUBLICIDADE

O surgimento repentino do que antes era considerado setores de nicho, como NFTs, mostrou aos investidores o que eles podem estar perdendo, segundo Bogart, observando como o outrora obscuro mercado de tokens não fungíveis OpenSea agora está fazendo comparações com o site de comércio eletrônico Etsy.

A contagem de US$ 30 bilhões inclui rodadas de captação de fundos levantadas por empresas como Robinhood Markets Inc. e Revolut Ltd., companhias de tecnologia financeira geradoras de receita que apenas tocam em criptomoedas. Mas olhar estritamente para as transações de capital de risco dos EUA também mostra um investimento excessivo este ano, com cerca de US$ 7,2 bilhões em negócios, quatro vezes o recorde anterior estabelecido em 2018, segundo dados do PitchBook.

A exchange de derivativos de criptomoedas FTX, por exemplo, fechou uma rodada de financiamento da série B de US$ 1 bilhão em julho, que elevou seu valuation para US$ 18 bilhões. O custodiante do New York Digital Investment Group levantou US$ 1 bilhão em meados de dezembro, alcançando uma avaliação de mais de US$ 7 bilhões. A Forte, fornecedora de ferramentas de integração de blockchain para editores de jogos, fechou uma rodada de arrecadação de US$ 725 milhões em novembro. Dapper Labs, a plataforma NFT por trás do CryptoKitties, levantou US$ 350 milhões em março de investidores que incluíam a lenda do basquete Michael Jordan, elevando sua avaliação para US$ 2,5 bilhões. O provedor de infraestrutura de pagamentos de criptomoedas MoonPay fechou uma rodada de US$ 555 milhões no final de novembro, aumentando seu valuation para US$ 3,4 bilhões. Sky Mavis, desenvolvedora do Axie Infinity, levantou mais de US$ 150 milhões em um valuation de US$ 3 bilhões em outubro para o jogo online baseado em criptomoedas.

PUBLICIDADE

Mais projetos:

  • DAO (organizações autônomas descentralizadas) + NFT

Loot Project é uma coleção de 8.000 NFTs na forma de um arquivo de texto que consiste em frases que descrevem “equipamento de aventureiro aleatório” como “uma espada curta” ou “manto divino da raposa”. O projeto foi lançado em agosto pelo cofundador do Vine, Dom Hoffman; os investidores são detentores individuais dos milhares de sacos de saque NFT que inicialmente incluíam Jon Kol, da Galaxy Digital

  • Mídia Social Descentralizada

BitClout é uma rede social criptográfica que transforma celebridades e influenciadores como Kim Kardashian ou Elon Musk em tokens, com o valor de seus respectivos tokens representando sua popularidade no site. Lançado em março pela Diamondhands, mais tarde revelado como Nader Al-Naji, os investidores incluem Andreessen Horowitz e Capital Social de Chamath Palihapitiya.

PUBLICIDADE
  • Blockchain + jogos

SpaceY2025 é um jogo NFT que tem como premissa colonizar e defender Marte, inspirado na missão do CEO da Tesla, Elon Musk, para o planeta. A primeira versão do jogo projetado pela Blockfish foi lançada em julho. Os investidores incluem o fundo de risco transfronteiriço Draper Drago

Veja mais em bloomberg.com

PUBLICIDADE