Torcedores comemoram bons retornos de fan tokens e buscam mais opções

Investimento em criptoativos de times brasileiros ganha popularidade entre consumidores ao proporcionar uma interação com ganho financeiro

Torcedores vibram em campo com time do coração e fora dele com ganhos dos fan tokens
Tempo de leitura: 3 minutos

Por Matheus Mans para Mercado Bitcoin

São Paulo - A analista de recursos humanos Thamires Medina, de 30 anos, já era interessada em criptoativos, mas não tinha experiência com os fan tokens — ativos digitais usados para estreitar o relacionamento de clubes com torcedores. Isso mudou no começo de setembro, quando o fan token do Corinthians entrou em negociação para um número maior de pessoas, sem restrições, com possibilidade de compra após as vendas iniciais.

“A vontade de apoiar o time foi o empurrão para que eu começasse a investir”, conta Thamires Medina. “A experiência está sendo diferente dos demais criptoativos. Não comprei pensando simplesmente em investimento, apesar de não deixar de ser um. As expectativas acabam sendo diferentes. Eu particularmente estou gostando bastante das interações proporcionadas pelo fan token e, mesmo com as oscilações, os resultados de investimento também foram interessantes em determinados momentos”.

Com esses bons resultados que Thamires teve com a $SCCP, nome dado ao fan token do Timão, ela já está de olho em novos investimentos. “Estou analisando de outros times do futebol europeu e equipes da F1 que acompanho”, conta. “[Recomendo] principalmente para aqueles que possuem como objetivo participar de interações e decisões de clubes e equipes favoritas. A meu ver, os fan tokens têm um potencial gigantesco nesse aspecto”.

Novo público

Esse comportamento de Thamires, feliz com os resultados e interessada em investir em mais criptoativos, mostra como o fan token pode ganhar mais espaço. Alexandre Dreyfus, fundador da Socios.com, especializada no lançamento desses tokens de utilidade, conta, em entrevista por e-mail, que está notando “um grande crescimento no interesse pelos fan tokens e também uma mudança significativa no perfil do nosso público”

“De uma perspectiva demográfica, permanece principalmente do sexo masculino entre 18 e 34 anos de idade”, comenta o executivo. “Mas, embora no início os fan tokens fossem comprados principalmente por entusiastas de criptomoedas e blockchain, que eram as únicas pessoas que realmente sabiam do que se tratava o nosso produto e entenderam seu enorme potencial, conforme crescemos nossa lista de parceiros e aumentamos nossos esforços para comercializar nosso produto para a comunidade de fãs de esportes e educá-los, estamos vendo mais e mais fãs de esportes ‘tradicionais’ entrarem em ação”.

Veja mais: Fan tokens podem ser a porta de entrada para investimento de torcedores

Dreyfus enxerga um fluxo interessante dos esportes para o mercado de cripto. “Estamos criando uma geração diferente de fãs de esportes, pois estamos introduzindo esportes na comunidade de blocos e criptografia de uma forma interativa e sem precedentes, da qual, pela primeira vez, podem participar ativamente, fazer parte do espetáculo”, afirma. “Isso é muito atraente, principalmente para os mais jovens”.

De olho no futuro

E como será que empresas e torcedores veem o futuro dos fan tokens? O jovem aprendiz Luan Silva, de 20 anos, é corinthiano e também comprou o fan token do Corinthians, assim como Thamires. Ainda que sem experiência em investimentos em criptomoedas, Luan entendeu que esta seria uma boa opção para investir seu dinheiro. “[Comprei o fan token] para apoiar e também por entender que o mercado financeiro digital é o futuro”, diz ele.

A ideia de Luan é comprar mais criptoativos em breve, antes que os valores subam mais. “Os rendimentos são reais, a plataforma de investimento é sólida e o preço, acessível. Já obtive lucro, mas ainda aguardo para retirar no momento certo”, complementa.

A Socios.com também tem uma visão otimista. Como serão os próximos cinco, dez anos dessa tecnologia? Dreyfus responde, colocando em perspectiva o valor de mercado. “Estimo que o mercado de fan token, que atualmente vale mais de 400 milhões de dólares, pode chegar a 10 bilhões de dólares em 10 anos, à medida que o conhecimento e o interesse pelo blockchain aumentem e os ativos digitais se tornem mais populares”.

Mercado Bitcoin

Mercado Bitcoin

A maior plataforma de criptomoedas da América Latina