Negócios

Petrobras coloca à venda ativos de dois campos na Bacia de Santos

Petroleira espera receber propostas até o próximo dia 27

Petrobras diz que plano de desinvestimento visa reduzir dívida e otimizar portfólio
08 de Setembro, 2021 | 10:01 am
Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — A Petrobras colocou à venda sua participação de 100% nos campos de Uruguá e Tambaú, nas águas profundas da Bacia de Santos (RJ). A estatal brasileira informou, nesta quarta-feira (8), o início do processo de busca de potenciais interessados nos ativos de E&P (exploração e produção), que têm até o próximo dia 27 de setembro para manifestarem interesse.

Veja mais: Petrobras vai antecipar resgate de US$ 1,3 bi em títulos globais

Os campos de Uruguá e Tambaú fazem parte do Contrato de Concessão BS-500, adquirido na Rodada Zero da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). A transação potencial inclui o Gasoduto Uruguá- Mexilhão, com cerca de 174 km de extensão, entre o Campo de Uruguá e a Plataforma de Mexilhão, informa a petroleira.

Veja mais: Petrobras divulga lista de 30 startups pré-selecionadas para edital de inovação de R$ 22 milhões

PUBLICIDADE

“Essa operação está alinhada à estratégia de otimização de portfólio, redução do endividamento e à melhoria de alocação do capital da companhia, passando a concentrar cada vez mais os seus recursos em ativos de classe mundial em águas profundas e ultra-profundas, onde a Petrobras tem demonstrado grande diferencial competitivo ao longo dos anos”, diz comunicado da estatal.

O teaser com as principais informações sobre o processo de venda está disponível no site da Petrobras (www.investidorpetrobras.com.br/resultados-e-comunicados/teasers).

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.

PUBLICIDADE