Negócios

Empresário brasileiro compra aérea mais antiga da Bolívia e vai retomar voos para São Paulo, Rio e Foz do Iguaçu

Aquisição da Amaszonas marca a entrada da empresa aérea Nella Airlines Group, controlada por Mauricio Souza, no mercado brasileiro de aviação comercial e de cargas

Mauricio Souza, CEO da Nella Airlines, vai usar os voos da boliviana Amaszonas para começar a operar no Brasil
11 de Agosto, 2021 | 03:45 pm
Tempo de leitura: 1 minuto

São Paulo — A Amaszonas, companhia aérea mais antiga em operação (22 anos) na Bolívia, agora é controlada por um empresário brasileiro. Mauricio Araújo de Oliveira Souza, CEO da Nella Airlines Group e radicado em Orlando (Flórida), anunciou nesta quarta-feira (11) a compra do controle da Amaszonas Línea Aérea por US$ 50 milhões e planeja retomar voos regulares para o Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Foz do Iguaçu (PR), interrompidos pela pandemia da Covid-19. Ele pretende se estabelecer no mercado de aviação comercial e de carga da América Latina.

“A Amaszonas possui a frota mais moderna da Bolívia e opera com voos internacionais regulares para o Brasil, Chile e Paraguai. Com essa aquisição, a Nella passa a atuar em um mercado que movimentou, antes da pandemia, cerca de 4 milhões de passageiros ao ano e que até o mês de junho de 2021 recuperou 78% dessa demanda”, disse o CEO da Nella, em comunicado.

A Nella, anagrama do nome da filha do CEO, Antonella, ainda aguarda certificação para operar no Brasil, prevista para 2022. Até lá, a companhia pretende atuar por meio da Amaszonas, que tem voos partindo de Guarulhos (SP) e opera na Bolívia, Chile e Paraguai. Souza também adquiriu, há três semanas, o controle da venezuelana Albatros Airlines, que voa para Aruba, Costa Rica, Margarita e Punto Fijo e está em fase de certificação para voar no Brasil.

A compra da Amaszonas antecipa as atividades da Nella Airlines no Brasil, segundo a advogada Cristiane Secco, que intermediou a operação de ambos os lados, sócia responsável pela área de M&A e especialista em aviação do Albuquerque Melo Advogados.

“Com essa aquisição, antecipamos a operação da empresa, já que o processo de certificação da Nella Brasil só deve ser concluído no primeiro trimestre de 2022”, disse a advogada.

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.

PUBLICIDADE