Canaã dos Carajás, Pará (PA), Brasil, 09/10/2014 - Projeto Ferro Carajás S11D - canteiro de obras, no Sudeste do Pará. Na foto: vista aérea de áreas do projeto. Foto: Salviano Machado *** Local Caption *** Foto publicada no livro "Vale: Nossa História" lançado em 2012 na ocasião dos 70 anos da Vale. Página 383.
Tempo de leitura: 1 minuto

A Rede D’Or São Luiz fechou uma parceria inédita com a mineradora Vale para a gestão de serviços de saúde em dois hospitais em uma região do Pará, onde se encontra o maior complexo minerador da companhia.

Por meio de sua afiliada Hospital Esperança, a Rede D’Or São Luiz celebrou contrato de prestação de serviços com a Vale tendo por objeto a gestão e execução de ações e serviços de saúde no Hospital Yutaka Takeda, localizado na cidade de Parauapebas, e no Hospital Cinco de Outubro, em Canaã dos Carajás.

PUBLICIDADE

“Esse contrato inaugura um novo modelo de parceria entre uma autogestão e uma rede hospitalar com objetivo de aumentar a qualidade assistencial e trazer mais sustentabilidade ao setor, beneficiando toda a população atendida pela Vale na região de Carajás. Os Hospitais, cujos imóveis são de propriedade da Vale, desenvolvem atividades ambulatoriais, pronto socorro e médico-hospitalares para pacientes adultos e pediátricos”, informou a Rede D’Or São Luiz, em comunicado, sem citar valores.

“O contrato, cuja vigência é de 10 anos, reforça a parceria com a Vale, empresa comprometida com o investimento e desenvolvimento de longo prazo na região. A operação engloba ainda a análise pelas partes de uma possível parceria na construção ou aquisição de uma unidade hospitalar para atendimentos médico-hospitalares de alta complexidade na cidade de Parauapebas, no Estado do Pará”, detalha a companhia.

Fundada em 1977 no Rio de Janeiro como Cardiolab, a Rede D’Or São Luiz é uma das maiores redes integradas de cuidados em saúde no Brasil, com presença nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Paraná, e no Distrito Federal. Em maio deste ano, a companhia fez um IPO e começou a ter suas ações negociadas na B3 no último dia 28 de maio.

Sérgio Ripardo

Sérgio Ripardo

Jornalista brasileiro com mais de 25 anos de experiência, com passagem por sites de alcance nacional como Folha e R7, cobrindo indicadores econômicos, mercado financeiro e companhias abertas.